A Praia da Armação, o Coração de Búzios

Como se não bastassem as 23 praias que cercam esta península privilegiada pela natureza, Armação dos Búzios também é conhecida pelo seu potencial para a prática desportiva. São tantas modalidades no mar, nas areias e também no ar!

Búzios é considerada rota importante para os adeptos de um dos esportes mais desafiadores do planeta: o vôo livre! E o pico onde essa turma viciada em adrenalina se encontra para voar é, literalmente, bem no meio de uma reserva ambiental de Mata Atlântica, a belíssima Serra das Emerências!

O ponto de decolagem fica no canto direito da pouco conhecida Praia de Tucuns, bem perto do ponto final das vans, na subida da serra, a 180 metros de altura. A rampa é o segundo ponto mais alto do balneário, e os vôos de asa delta duram entre 15 a 20 minutos; já os de parapente, num dia perfeito, podem chegar até meia hora. Haja emoção!

O trajeto é deslumbrante, sobrevoando a preservada vegetação nativa e, a cereja do bolo, é a surpreendente José Gonçalves, outra praia bem escondida do grande público, com suas formações rochosas, mar aberto e clima totalmente selvagem – local que outrora foi ponto de desembarque clandestino de muitos piratas e mercadores de escravos.

Existem empresas que oferecem saltos e vôos com toda segurança. A idade mínima para se aventurar é a partir dos 16 anos, sempre acompanhados por responsáveis, e o peso máximo do aluno deve ser de 95 kg (asa delta) e 100 kg (parapente).

O período favorável para essa prática esportiva é entre os meses de dezembro e maio, quando as condições do vento são ideais.

O vôo livre em Búzios é forte, e a presença de equipes com profissionais gabaritados proporciona segurança e a oportunidade de realizar uma das experiências mais inesquecíveis para nós, que não temos asas, mas que também desejamos voar!

Compartilhe com amigos:
Search